Confira 8 técnicas básicas de Scrapbooking

Neste blog post, vamos explorar 8 técnicas essenciais de scrapbooking que vão elevar o seu hobby a um novo nível.

Avatar de Soho | Premium Papelaria
Um caderno de scrapbook aberto com diversos elementos em cima, como: flores, borboletas, adesivos, entre outros.

Você já se perguntou como criar memórias duradouras de maneira criativa e encantadora? Se sim, você veio ao lugar certo! O scrapbooking é uma forma única e apaixonante de preservar momentos especiais, combinando fotografias, recortes, adesivos e muito mais em belos álbuns artesanais. Nesta publicação, vamos explorar 8 técnicas essenciais de scrapbooking que vão elevar o seu hobby a um novo nível. De dicas para escolher os materiais certos até truques para criar composições visualmente impactantes, prepare-se para se inspirar e mergulhar no mundo mágico do scrapbook. Não perca a oportunidade de transformar suas lembranças em verdadeiras obras de arte! Venha conosco descobrir as maravilhas do scrapbooking.

Texturas

é possível criar texturas no papel através de placas de relevo (emboss seco) e com pasta para modelagem, gesso, linha, barbante e outros materiais, através da mão livre ou de stencil.

O que é Scrapbook?

É uma palavra do inglês que significa livro de recortes. Hoje, é um artesanato que envolve o uso de papéis + fotografias + enfeites + lembranças e tudo mais que você decidir aplicar.

Carimbos e carimbeiras

Os tipos de carimbos mais encontrados são os de madeira e polímero. Eu não fazia ideia de como é vasta a aplicação de carimbeiras, até concluir o curso Stamp Club Brasil. Foram dez meses de curso e aqui abordarei pontos que considero relevantes para aguçar o seu interesse pelas diferentes técnicas.

Há no mercado uma diversidade de marcas de carimbeiras e o quadro abaixo orientará qual carimbeira comprar para a técnica que deseja aplicar. Por exemplo, se a tinta é a base de solvente a aplicação poderá ser em papel ou superfície porosa e não porosa, e ainda usará a técnica de aquarela e lápis de cera para pintar a carimbada. Outro exemplo, se eu sou apaixonada por pintura com Copic, sei que a carimbada deverá ser com carimbeiras Dye Ink (base de corante, secagem rápida, espuma firme), ou seja, a carimbeira Memento. Na loja Soho Papelaria encontramos a carimbeira Craft Ink Pad, a sua base é de pigmento permanente, então podemos usar e abusar (de acordo com suas instruções) das técnicas de aquarela, mixed midea e lápis de cera em nossos projetos.

CarimbeiraBaseTécnica
StazonSolvent InkAcetato, papel vegetal, foto, aquarela e lápis de cera
Craft Ink PadPigmento permanente, qualidade archival.Aquarela, mixed midea e lápis de cera
MementoDye InkCopic (a base de álcool) e lápis de cera
Archival InkCoranteAquarela, mixed midea e lápis de cera
VersamarkOil-based-InkEmboss quente e marca d’águra
Juju ScrapbookPigment Ink à base de coranteCarimbada em camadas e lápis de cera
DistressPigment InkAquarelável, efeito vintage e criação de background

Importante:

Lave o seu carimbo sempre após o uso. Pode ser usado o lenço umedecido ou água corrente e detergente neutro. Já para a carimbeira Stazon, a base de solvente, possui um limpador próprio para carimbos.

Foil

O hot stamping ou foil, é um tipo de impressão feito com uma fita metálica, por meio de uma chapa quente, que ao atingir a temperatura ideal, faz a transferência do layout ou detalhe desejado para o papel. Neste caso a impressão no papel é à laser. Algumas marcas disponibilizam o foil em flocos, e hoje é utilizado nos selos de cera.

Distress

Responsável por dar ao papel a aparência envelhecida ou gasta. Este efeito é possível através de algumas técnicas, como:

Desgaste do papel

Desgastar o papel com o uso de um objeto chamado Paper Distresser (Tonic) ou Distressing Tool (Prima), tesoura ou ainda lixa de unhas.

Tintas

Usando tintas (que podem ser as de carimbeiras ou as Distress Ink da Ranger próprias para isso) e um aplicador (ou esponja de maquiagem). A ideia é aplicar essa tinta nas margens do papel de forma a dar-lhe o tal aspecto envelhecido.

Layering

O layering é a sobreposição de várias camadas de papel de diferentes cores, estampas ou texturas. Fita espuma, mais conhecida como banana; placa foam e papelão höller, são os materiais mais utilizados para dar diferentes alturas aos elementos nos layouts.

Estilos de Scrapbooking

Confira os principais estilos e algumas técnicas de scrapbook. Adianto que são várias e mencionarei as mais utilizadas.

Quilling

Quilling é uma técnica artesanal que utiliza tiras de papel para criar diferentes imagens detalhadas em 3D. Neste processo, as tiras são enroladas em espirais, coladas e moldadas em diversos tamanhos e formatos sobre uma superfície.

Pop up

Técnica do papel tridimensional. São verdadeiras engenharias de papel, cheias de criatividade. Através do uso de dobraduras e mecanismos, o pop up oferece páginas interativas, onde seus elementos parecem saltar do álbum ou cartão.

Bolsos e envelopes

É usado bastante nas páginas de Scrapbook. É uma boa opção para guardarmos o nosso journaling ou até mesmo ampliar a capacidade de fotos no álbum.

Conclusão

Em resumo, o scrapbooking é uma forma maravilhosa de preservar memórias e contar histórias através de fotos e elementos decorativos. Ao dominar essas técnicas básicas, você estará pronto para embarcar em uma jornada criativa e significativa. Lembre-se sempre de que não há regras rígidas no scrapbooking – deixe sua imaginação fluir e divirta-se no processo! Agora é hora de colocar em prática o que aprendeu e começar a criar suas próprias obras-primas de scrapbook. Comece hoje mesmo e dê vida às suas lembranças mais preciosas!

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *